Páginas

domingo, 16 de dezembro de 2012

Flash



Flash;
Era uma manhã de sol, num domingo lindo.
Quero te apresentar uma menina - disse a mãezona. A partir de hoje quero que você a acompanhe em seu crescimento.

Flash;
Então, aconteceu isso, aconteceu aquilo e blá blá blá.. - continuou dissertando sobre a sua vida.
Sabe o que eu acho? - disse a outra menina. Que você fala muito da sua vida pra quem você não conhece.

Flash;
Ei menina, você tem um chamado muito fera!

Flash;
Quero te pedir perdão, porque não reconheço a unção que está sobre a sua cabeça.

Flash;
Ao terminar a celebração.. os olhares se encontram e dizem: Me espera. Te espero. E eles seguem rumo a residência, estupefatos pelas maravilhas operadas na noite.

Flash;
Seremos então vaca, galinha e cachorra.
Comendo coca-cola e bebendo chocolate.

Flash;
Icateco, Icateco, Icateco kutiva iessu (seilácomoescreve)

Flash;
Num dá pra mim não amiga! Como pode a gente passar pelas mesmas coisas, ao mesmo tempo?

Flash[...]Flash[...]Flash[...]Flash...

Num abrir e fechar de olhos, as luzes acendem e apagam cheias de flashs percorrendo pelos meus olhos e mente e coração.. tudo em forma de oração no final de um domingo modorrento, onde constatei que eu fiquei no meio de um povo que não é mais meu.

FLASH..


//Pâmelluk.

2 comentários:

  1. Ai amiga !!!

    que Falta vc me faz !!!
    Te amo !!!!

    ResponderExcluir
  2. Amigaaaaaaaaa,
    Lembro-me perfeitamente ...rsrsr

    Flash...

    Te amooo pra sempres!

    ResponderExcluir

Não se perca, viu? - Ache.